Terça-feira 05 de Julho de 2022

Notícias / Detalhe
FIPERJ VAI A GUAPIMIRIM E CONHECE TRABALHO DE COOPERATIVA DA REGIÃO
Autor: ASCOM FIPERJ
31/01/2022 - 14:18
Fundação e Município discutem possibilidades de fortalecer as atividades de pescadores locais

A Fundação Instituto de Pesca do Estado do Rio de Janeiro (FIPERJ) esteve em Guapimirim na sexta-feira (27/01) para conhecer de perto as atividades da Cooperativa Manguezal Fluminense, que abriga cerca de 30 profissionais, entre curraleiros, caranguejeiros e pescadores artesanais. Com sede em Magé, a instituição conta com duas bases de apoio próximas à Área de Proteção Ambiental (APA) de Guapimirim e à Estação Ecológica (Esec) da Guanabara, às margens do Rio Guapi-Macacu. A visita faz parte das ações previstas no Termo de Cooperação Técnica assinado em 2021 entre a FIPERJ e 28 municípios fluminenses, incluindo Guapmirim.

Na ocasião, o zootecnista extensionista Henrique de Lima e a servidora Juliana Candiani, representantes da FIPERJ, foram recepcionados pelo Secretário Municipal de Agricultura, Pecuária e Pesca de Guapimirim, Rafael Vivas, o subsecretário Jôlden Costa, e o técnico Anderson Lima. Presidente da Cooperativa Manguezal Fluminense, o senhor Alaildo Malafaia apresentou as atividades da instituição.

Segundo Alaildo, a Cooperativa tem como principais linhas de atividade a prestação de serviços ambientais por meio da restauração ecológica de manguezais, suporte aos membros para fomento da cadeia produtiva e a prática do turismo de base comunitária, com passeios em embarcações pelo Rio Guapi-Macacu até a Baía de Guanabara. Ao longo do trajeto de 11 quilômeros, os turistas recebem explicações sobre a fauna e flora locais, e, com uma dose de sorte, podem observar possíveis aparições do boto-cinza, animal característico da região.

Entre as possibilidades de estimular e fortalecer as atividades dos pescadores locais, o Secretário de Guapimirim ressalta a possibilidade de converter os Termos de Ajustamento de Conduta do Município em insumos para a restauração de manguezais e investimentos que possam melhorar a empregabilidade de jovens da cidade, melhorando a qualidade de vida e a produtividade dos pescadores, sempre de forma sustentável.

Representando a FIPERJ, Henrique apresentou projetos que poderão ser realizados em parceria com a Prefeitura, no sentido de desenvolver trabalhos ligados à educação ambiental, conscientização sobre saúde e gestão de empreendimentos aquícolas e pesqueiros para os aquicultores e pescadores da região. O extensionista ressaltou, ainda, a possibilidade de realização de parcerias com outras instituições governamentais e universidades em ações que fortaleçam a cadeia produtiva e melhorem a qualidade dos produtos, por meio de boas práticas e beneficiamento.

Busca
OK
Seja bem-vindo!

Este é o portal da Fiperj, órgão vinculado à Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento - SEAPPA. A Instituição tem a missão de promover, através de políticas públicas, o desenvolvimento sustentável da aquicultura e da pesca fluminenses.

destaque tabua dos mares
destaque previsao do tempo
atividade pesqueira
e-SIC
Fala BR
Disque-Rio

Sede: Pç. Fonseca Ramos s/nº–Terminal Rodoviário Roberto Silveira, sobreloja–Niterói–RJ. CEP:24030-020 Tel: 2705-0741