Sábado 24 de Outubro de 2020

Sistema de reuso de água (filtros biológicos e leitos hidropônicos) na criação de rãs em fase de crescimento e terminação

A criação de organismos vivos depende de fatores essenciais, a qualidade da água usada nos ranários não é diferente, as rãs depositam seus excrementos e resto de peles na água e, portanto, se faz necessário a troca de água, para evitar a disseminação de doenças que podem levar a morte do plantel. Essa pesquisa se propõe a desenvolver um sistema de reuso de água de baixo custo, com aproveitamento dos resíduos sólidos da criação de rãs, por meio da utilização de biofiltros, consorciados com leito hidropônico "wetland". Com a adoção do sistema será possível atender a legislação ambiental, no que diz respeito a manutenção adequada da qualidade física e química da água e também quanto a prevenção do escape de animais. O modelo experimental foi instalado no setor de crescimento e terminação de rãs do Laboratório de Biologia Animal da UNISUAM e será utilizado como unidade demonstrativa para estudantes, aquicultores e demais interessados. O projeto está em andamento e ao seu final pretende-se alcançar um modelo integrado para recirculação de água no setor de engorda de rãs.


Parcerias: UNISUAM; FIPERJ.

Financiamento: UNISUAM.


Pesquisadores
  • Silvia Conceição Reis Pereira Mello
    FIPERJ - Pesquisadora Coordenadora


  • José Teixeira de Seixas Filho


  • Mario Costa


Busca
OK
Seja bem-vindo!

Este é o portal da Fiperj, órgão vinculado à Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento - SEAPPA. A instituição tem a missão de promover, através de políticas públicas, o desenvolvimento sustentável da aquicultura e da pesca fluminenses.

destaque tabua dos mares
destaque previsao do tempo
atividade pesqueira

Sede: Pç. Fonseca Ramos s/nº–Terminal Rodoviário Roberto Silveira, sobreloja–Niterói–RJ. CEP:24030-020 Tel: 2705-0741